Com mais de 20 anos de experiência na liderança de equipes e canais de vendas e serviços em gigantes de tecnologia como SAP, Oracle e TOTVS, Paulo Felix Jr. tomou um caminho que, até então, não fazia parte dos seus planos: mudar em 2020 com a família para Portugal e lá fazer o start de uma consultoria brasileira de SAP focada em Customer Experience.

Uma pandemia depois, a consultoria foi adquirida pela EY e, ainda em Portugal, Paulo passou a apoiar a EY Portugal no desenvolvimento de negócios na competência SAP pela qual já era anteriormente responsável.

Depois disso, ao final de 2021, Paulo juntou-se à FCamara para estruturar o desenvolvimento de negócios e as operações na Europa e, em 2 anos, saiu do zero para uma estrutura com quase 50 pessoas e clientes em 4 países.

Em meio a estas transições inesperadas, Paulo teve o primeiro contato com o universo TaaS. Por meio de uma consultora, foi convidado para prover mentoring e advisory no desenho e conteúdo de uma trilha de formação para gestores e líderes de vendas na Índia.

O foco e a intensidade do trabalho na FCamara não permitiam que novas oportunidades fossem exploradas até que, em 2023, em conversas de networking, surgiram duas potenciais oportunidades de advisory para startups de SaaS B2B – uma brasileira e outra portuguesa.

Interessado em aprofundar o conhecimento e networking no universo de startups – mas sem prejudicar o foco no crescimento e internacionalização da FCamara na Europa, o conceito de EaaS (Executives as a Service) surgiu no caminho por um contato de Paulo com o Christopher Toya, CEO da Opental.

A questão principal: seria possível ter um modelo de engajamento que não interferisse (especialmente na dimensão tempo) o compromisso com a FCamara?

Graças à formação e mentorias da EaaS, Paulo teve apoio para estruturar um modelo de trabalho que gera valor para a startup e não estabelece uma relação baseada em “tempo fixo” (horas faturáveis).

O engajamento com uma das startups avançou e deve sair do papel em 2024. Neste trabalho, Paulo deverá atuar como advisor para que os founders e a equipe da startup estruture um programa de canais e parceiros de negócios. A realização em si cabe à empresa, que contará com o aconselhamento, orientação e guidance especializado do EaaS.

Neste meio tempo, e unindo um curso já gravado com 6h de conteúdo a uma agenda estruturada de 5 videoconferências, Paulo entregou um programa de mentoria na área de Gestão de Projetos para executivos de TI em um banco na África.

Na EaaS Paulo encontrou outros executivos em momentos de carreira e de vida parecidos, com potencial para gerar negócios ou até mesmo profissionais que possa recomendar quando não puder dar seguimento a uma oportunidade. Um antigo colega de TOTVS, inclusive, juntou-se também como insider founding member.

Para os próximos anos, o foco de Paulo Felix Jr. continua em liderar e entregar as elevadas ambições de vendas e serviço da FCamara na Europa. E, em paralelo, passo-a-passo, construir mais conhecimento e relacionamentos no universo de startups como investidor, advisor ou conselheiro.

Quer fazer parte da comunidade Opental?

Com o sucesso da EaaS (by Opental), levamos agora o modelo de escala em Open Talent também para profissionais de nível tático e operacional, construindo uma rede cada vez mais conectada de conhecimento e oportunidade.

A associação é gratuita e você será muito bem recebido por quem se interessa e já vive essa realidade.

Acesse: https://bit.ly/opental_community